Clareador Cerebral


Última atuação do ano

Uma atriz brinca com seu público

E de mansinho se aproxima do “s´eu” mais profundo

Distante, ali, te olha e te explica que seu mundo não é perfeito.

O palco é o espelho da vida

E quem estrela é o reflexo de ti.

 

Se sou um reflexo perdido

Em um horizonte com cheiro de ribalta

Que soe a campainha

As cortinas de um novo ano se abrirão

Merda para ti!

 

Dionísio nos proteja nesta nova jornada

E que os atores ainda brinquem com seu público

Mas que estrelem uma vida diferente em 2005.

 

Minha peça ainda será escrita pelo tempo

Mas peço que Deus (ou um Deus) deixe meu protagonista ficar

Minha história de amor eternizou-se com a beleza

Do Amar

Do Amor

 

Merda para ti!

Merd

Minha vida num palco

Todo ano com platéia, crítica e talento.

Viver requer talento se não sabia...

 

(O termo merda surgiu em Paris, mais ou menos em 1890. Os atores “proibidos” desejavam sorte dessa forma. É uma longa história, digna de um post de quem, modéstia a parte, entende de teatro. Sou uma mulher de teatro. Fazer o que?)



 Escrito por Mariana Perin às 00h01
[   ]




Brasilidade do ser

Há algumas épocas do ano em que só chove ou só faz frio. Em outras épocas, a chuva vem no meio do calor insuportável. A vida é movida à temperatura ou ações climáticas. Cada um sente o que quer a cada gota de chuva que molha o asfalto.

 

Quando a chuva desce a rua enlouquecidamente, as calçadas se molham e todos fogem daquilo. Cada vez que isto acontece, olho pela janela e sinto como se gotas escorressem pelo meu rosto. Mas não estou a chorar. É um Deus lavando a alma de um petróleo escuro que cobre a rua.

 

Quando o sol queima meu rosto, sinto a brasilidade do ser. No verão, sinto orgulho de viver no país verde amarelo, onde a miscigenação é o maior legado já deixado. Há uma divindade em não ter raça, de ser um pouquinho do aqui ou do acolá. É perfeito ter todos os sangues correndo nas veias. É como se cada pedacinho do mundo estivesse em um só ser.

 

O amor pelo Rio de Janeiro é inexplicável. A Lapa é inexplicável. O samba é inexplicável. Aquele velho cartola sentado na calçada – ele, seu pandeiro e sua música. A roupa branca, perfeita, surrada e suada. As mulheres e suas peles de diferentes cores soam o samba pelos pés e suam o seio de tanto dançar. A água salgada lava a vida!

 

A beleza de São Paulo é fria. O inverno e sua correria, suas buzinas, os carros enlouquecidos. A noite fria sob o luar dos amantes quentes, que se amontoam em cobertores e se amam até o amanhecer. No dia seguinte, saem de casa, pegam seus carros, seus ônibus, suas botas e voltam para a labuta. Bela vida na bela vista de São Paulo. Mas no frio tem samba! Muito Samba Rock, muita gente orgulhosa dançando, muita arte, muita tinta, muitos holofotes e muita vida!

 

Janeiro é o mês que me gerou. É o meu mês. É um dos meus preferidos. Aniversário de São Sebastião – não tenho a menor idéia de quem ele foi! Mas é um mês interessante. É o mês que planejo e não cumpro. É o mês decisivo na vida dos brasileiros. É o mês em que a divindade sobrevive, pois temos muito mais fé. É o mês das promessas, é o mês do pé direito.

 

Meus Janeiros já tiveram os diferentes cenários e as mais diferentes trilhas sonoras. Porto Alegre salve salve, Meu Rio de Janeiro, minha pedra em São Sebastião, o caos na minha cama triste, meu interior, meu Cruzeiro, minhas histórias, minha brasilidade do ser. Minha pele jambo em todo janeiro, que em 2005 estará desbotada. Muito trabalho, suor e rock and roll. Minha brasilidade. Minha única identidade. Sou Brasileira, Italiana, Portuguesa, Espanhola, sou Tupi, sou Húngara e sou Mariana.

 

Tenham um ótimo verão. Época dos amores impossíveis e das grandes histórias. Ser jovem é assim: Quando amadurecemos, as histórias se tornam reais.

 

 

Assistam em vídeo: Houve uma vez dois verões. De Jorge Furtado. Ele é meu diretor e roteirista favorito!



 Escrito por Mariana Perin às 12h50
[   ]





 



M.P
BRASIL,
Histórico
  16/05/2010 a 22/05/2010
  07/02/2010 a 13/02/2010
  20/12/2009 a 26/12/2009
  22/11/2009 a 28/11/2009
  13/09/2009 a 19/09/2009
  16/08/2009 a 22/08/2009
  09/08/2009 a 15/08/2009
  26/07/2009 a 01/08/2009
  19/07/2009 a 25/07/2009
  05/07/2009 a 11/07/2009
  28/06/2009 a 04/07/2009
  21/06/2009 a 27/06/2009
  25/01/2009 a 31/01/2009
  11/01/2009 a 17/01/2009
  30/11/2008 a 06/12/2008
  23/11/2008 a 29/11/2008
  16/11/2008 a 22/11/2008
  13/07/2008 a 19/07/2008
  22/06/2008 a 28/06/2008
  18/05/2008 a 24/05/2008
  20/04/2008 a 26/04/2008
  03/02/2008 a 09/02/2008
  13/01/2008 a 19/01/2008
  02/12/2007 a 08/12/2007
  18/11/2007 a 24/11/2007
  21/10/2007 a 27/10/2007
  07/10/2007 a 13/10/2007
  30/09/2007 a 06/10/2007
  09/09/2007 a 15/09/2007
  26/08/2007 a 01/09/2007
  19/08/2007 a 25/08/2007
  12/08/2007 a 18/08/2007
  29/07/2007 a 04/08/2007
  22/07/2007 a 28/07/2007
  15/07/2007 a 21/07/2007
  08/07/2007 a 14/07/2007
  24/06/2007 a 30/06/2007
  10/06/2007 a 16/06/2007
  03/06/2007 a 09/06/2007
  27/05/2007 a 02/06/2007
  13/05/2007 a 19/05/2007
  06/05/2007 a 12/05/2007
  22/04/2007 a 28/04/2007
  08/04/2007 a 14/04/2007
  01/04/2007 a 07/04/2007
  25/03/2007 a 31/03/2007
  18/03/2007 a 24/03/2007
  11/03/2007 a 17/03/2007
  04/03/2007 a 10/03/2007
  25/02/2007 a 03/03/2007
  18/02/2007 a 24/02/2007
  11/02/2007 a 17/02/2007
  04/02/2007 a 10/02/2007
  28/01/2007 a 03/02/2007
  21/01/2007 a 27/01/2007
  14/01/2007 a 20/01/2007
  07/01/2007 a 13/01/2007
  31/12/2006 a 06/01/2007
  24/12/2006 a 30/12/2006
  10/12/2006 a 16/12/2006
  26/11/2006 a 02/12/2006
  12/11/2006 a 18/11/2006
  29/10/2006 a 04/11/2006
  22/10/2006 a 28/10/2006
  15/10/2006 a 21/10/2006
  30/07/2006 a 05/08/2006
  23/07/2006 a 29/07/2006
  16/07/2006 a 22/07/2006
  09/07/2006 a 15/07/2006
  02/07/2006 a 08/07/2006
  11/09/2005 a 17/09/2005
  28/08/2005 a 03/09/2005
  07/08/2005 a 13/08/2005
  31/07/2005 a 06/08/2005
  24/07/2005 a 30/07/2005
  17/07/2005 a 23/07/2005
  12/06/2005 a 18/06/2005
  05/06/2005 a 11/06/2005
  29/05/2005 a 04/06/2005
  22/05/2005 a 28/05/2005
  15/05/2005 a 21/05/2005
  08/05/2005 a 14/05/2005
  01/05/2005 a 07/05/2005
  24/04/2005 a 30/04/2005
  17/04/2005 a 23/04/2005
  03/04/2005 a 09/04/2005
  27/03/2005 a 02/04/2005
  20/03/2005 a 26/03/2005
  13/03/2005 a 19/03/2005
  06/03/2005 a 12/03/2005
  27/02/2005 a 05/03/2005
  20/02/2005 a 26/02/2005
  13/02/2005 a 19/02/2005
  06/02/2005 a 12/02/2005
  30/01/2005 a 05/02/2005
  23/01/2005 a 29/01/2005
  16/01/2005 a 22/01/2005
  09/01/2005 a 15/01/2005
  02/01/2005 a 08/01/2005
  26/12/2004 a 01/01/2005
  19/12/2004 a 25/12/2004
  12/12/2004 a 18/12/2004
  05/12/2004 a 11/12/2004
  21/11/2004 a 27/11/2004
  14/11/2004 a 20/11/2004
  07/11/2004 a 13/11/2004
  31/10/2004 a 06/11/2004
  24/10/2004 a 30/10/2004
  17/10/2004 a 23/10/2004
  10/10/2004 a 16/10/2004
  03/10/2004 a 09/10/2004
  26/09/2004 a 02/10/2004
  12/09/2004 a 18/09/2004
  05/09/2004 a 11/09/2004
  29/08/2004 a 04/09/2004
  22/08/2004 a 28/08/2004
  15/08/2004 a 21/08/2004
  08/08/2004 a 14/08/2004
  01/08/2004 a 07/08/2004
  18/07/2004 a 24/07/2004
  11/07/2004 a 17/07/2004
  04/07/2004 a 10/07/2004
  27/06/2004 a 03/07/2004
  20/06/2004 a 26/06/2004
  13/06/2004 a 19/06/2004
  06/06/2004 a 12/06/2004
  30/05/2004 a 05/06/2004
  23/05/2004 a 29/05/2004
  09/05/2004 a 15/05/2004


Meus Links
  Clube da des(Conquista)
  Chorumelos (um blog com perspectiva totalmente masculina!)
  Deposito de Neuras
  Mulher o Suficiente
  Anônimo Incógnito - Diálogos Insanos
  Volume I
  P2B
  Um duelo - eu e ela.
  Nana Yazbek
  Leu porque quis
  Tchutchubiruba
  Caraqteres
  Cultura Pop by Lady O.
  Berenice disse