Clareador Cerebral


O que está por vir

Funhouse sábado, aniversário do Alê, férias, fashion week (desfile do Reinaldo, principalmente), praia, Porto Alegre, carnaval e show do Wonkavision em fevereiro na FunHouse! Mais outras coisas não previstas que combinam muito comigo! Se eu ficar ausente, é porque eu estou aproveitando meus dias de assalariada desesperada!

 

Foto do paraíso!



 Escrito por Mariana Perin às 14h38
[   ]




Quem habita o rádio do meu carro

Todo mundo (sim, o post tinha que começar dessa forma) que me conhece sabe que minhas referências musicais habitam meu rádio do carro. Pois bem, inicio o post musical, mas desta vez, com uma explicação(zinha) - digamos assim!

 

Voltando da busca do paraíso (o post abaixo existiu de verdade!), a estrada estava um caos. Os pneus do meu carro estavam carecas e eu não conseguia dirigir direito com o chuvaréu que nos lavava a alma. Devagarinho, coloquei um cd que sempre ouço: Moreno + 2. Certa vez, há anos, fui no show e estava enamorada de meu amoreco Fubah. Era um show que os Los Hermanos participaram, foi bem divertido por sinal, e naquele momento, enquanto tocavam a música "Deusa do Amor", ícone brega do Olodum interpretada brilhantemente pelo filho de Caetano, percebemos que estavamos apaixonados e que naquele momento, assumiríamos ao mundo nosso romance.

 

Ainda no assunto, mas mudando a vertente, eu odeio Caetano Veloso, mas adoro seu filho moreno. E deste cd que me viciei em 2002, saiu uma obra prima que quero deixá-la aqui! É uma declaração perfeita, e ao ouví-la domingo na estrada, pensei: Nossa, preciso publicar essa música no Clareador. Aqui está! Meu presente de ano novo para vocês!

 

Eu sou melhor que você

De Maurício Pacheco

Interpretada em voz e violão por Moreno Veloso.

 

Todo mundo acha que pode, acha que é pop, acha que é poeta

Todo mundo sempre tem razão, vence sempre e na hora certa

Todo mundo prova sempre pra si mesmo que não há derrota

Todo homem tem voz grossa e tem pau grande e é maior do que o meu, do que o seu, do que o de todos nós

Todo mundo é referência e se compara só pra ver que é melhor

Todo mundo é mais bonito do que eu, mas eu sou mais que todos

Todo mundo tem suingue, é feliz, é forte e sabe sambar

Todos querem, mas não podem admitir a coexistência do orgulho e do amor porque

Eu sou melhor que você

Eu sou melhor que você, mas por favor fique comigo que eu não tenho mais ninguém

Todo mundo diz que sabe e quando diz que não sabe é porque

É charmoso não saber algo que as pessoas já sabem como é

Todo mundo é original, é especial, é o que todos queriam ser

Não basta ser inteligente, tem que ser mais do que o outro pra ele te reconhecer

Todo mundo ganha grana pra dizer que ela não vale nada

Todo mundo diz que é contra a violência e sempre dá porrada

Todos querem se apaixonar sem se arriscar, nem se expor e nem sofrer

Todas querem vida fácil sem ser puta e com reputação

Se reprimem e começam a dizer

Eu sou melhor que você

Mas por favor fique comigo que eu não tenho mais ninguém

 



 Escrito por Mariana Perin às 23h23
[   ]




A Menina, a Garota e a Mulher - Divagando e Viajando em busca do paraíso

Era uma manhã quente quando pegaram a estrada. Garota, Menina e Mulher eram as amigas em busca do paraíso. Fazia muito sol e todas suavam de tanto calor. Calor demais para três mulheres – dizem que fêmeas não são melhores amigas, mas naquele momento, era a perfeição do mundo feminino andando pelo mundo.

60 kilômetros por hora na serra. O sol brilhava no mar e os olhos das fêmeas mais se apaixonavam pela natureza. Mesmo assim, o paraíso não existia para nenhuma delas.

Chegaram num destino não tão distante. Vestiram os trajes de festa e foram ao encontro dos peixes. Muitos deles, naquele cristal chamado Oceano Atlântico. Riam sozinhas ao enxergar aqueles pezinhos – a Mulher com suas unhas dos pés discretas, a Menina sem esmalte (como uma menina) e a Garota com suas unhas vermelhas. Riam e brincavam entre si, sabendo que aquele momento nunca sairia de suas lembranças.

Já no fim da tarde, estavam em busca do paraíso, em dúvida se era aquele que conheceram ou se ainda estava por vir. A estrada estava calma, seus corpos estavam quentes a ponto de servir como combustível. A areia estava morna, assim como a água do mar que mais parecia uma banheira. Ali, deitadas sob o sol, refletiam como a natureza é sábia. A Menina sonhava com o amor que estava por vir, a Garota pensava no seu amor e a Mulher lembrava de sua história dolorosa e gloriosa. Fêmeas quentes pela natureza faziam gerar seus pensamentos.

Ainda buscaram o paraíso. O dia acabava, hora noite de um dia (ainda) ensolarado. Procurando o paraíso elas encontraram Deus. A divindade do momento mais belo de suas vidas. O sol se escondia atrás das nuvens translúcidas e a baía se fazia laranja. Do outro lado da montanha das fêmeas, estava já a outra baía escura, noite e não sombria. O néon tomava conta das ondas e os plânctons mostravam-se vivos. O sol ia embora devagar, como se não quisesse a despedida do dia perfeito. Elas ali sentaram e observaram a saída triunfal da estrela maior da terra – do nosso alimento – o Sol ia embora, dando espaço para a cor perfeita do céu, e mais tarde, as estrelas seriam a companhia.

Encontram o paraíso naquele momento. Dentro de cada uma delas. As fêmeas jorravam emoção, mas somente uma lágrima escorreu no rosto. Elas se olharam e se deram conta da maravilha que é viver – sem problemas, sem promessas e com sonhos. A divagação explícita do sonhar.

Quando a noite chegou, elas guardaram o paraíso. Mas mesmo assim, olharam para a lona escura cheia de pequenos furos e lembraram de suas infâncias separadas e se deram conta que eram felizes.

Fizeram amor com os Deuses assim! Simples. No caminho de volta, apenas trocavam olhares e sentiam o aroma da felicidade. A busca pelo paraíso existiu e será mais uma pequena e maravilhosa história de uma Menina Garota e Mulher!

 



 Escrito por Mariana Perin às 23h23
[   ]





 



M.P
BRASIL,
Histórico
  16/05/2010 a 22/05/2010
  07/02/2010 a 13/02/2010
  20/12/2009 a 26/12/2009
  22/11/2009 a 28/11/2009
  13/09/2009 a 19/09/2009
  16/08/2009 a 22/08/2009
  09/08/2009 a 15/08/2009
  26/07/2009 a 01/08/2009
  19/07/2009 a 25/07/2009
  05/07/2009 a 11/07/2009
  28/06/2009 a 04/07/2009
  21/06/2009 a 27/06/2009
  25/01/2009 a 31/01/2009
  11/01/2009 a 17/01/2009
  30/11/2008 a 06/12/2008
  23/11/2008 a 29/11/2008
  16/11/2008 a 22/11/2008
  13/07/2008 a 19/07/2008
  22/06/2008 a 28/06/2008
  18/05/2008 a 24/05/2008
  20/04/2008 a 26/04/2008
  03/02/2008 a 09/02/2008
  13/01/2008 a 19/01/2008
  02/12/2007 a 08/12/2007
  18/11/2007 a 24/11/2007
  21/10/2007 a 27/10/2007
  07/10/2007 a 13/10/2007
  30/09/2007 a 06/10/2007
  09/09/2007 a 15/09/2007
  26/08/2007 a 01/09/2007
  19/08/2007 a 25/08/2007
  12/08/2007 a 18/08/2007
  29/07/2007 a 04/08/2007
  22/07/2007 a 28/07/2007
  15/07/2007 a 21/07/2007
  08/07/2007 a 14/07/2007
  24/06/2007 a 30/06/2007
  10/06/2007 a 16/06/2007
  03/06/2007 a 09/06/2007
  27/05/2007 a 02/06/2007
  13/05/2007 a 19/05/2007
  06/05/2007 a 12/05/2007
  22/04/2007 a 28/04/2007
  08/04/2007 a 14/04/2007
  01/04/2007 a 07/04/2007
  25/03/2007 a 31/03/2007
  18/03/2007 a 24/03/2007
  11/03/2007 a 17/03/2007
  04/03/2007 a 10/03/2007
  25/02/2007 a 03/03/2007
  18/02/2007 a 24/02/2007
  11/02/2007 a 17/02/2007
  04/02/2007 a 10/02/2007
  28/01/2007 a 03/02/2007
  21/01/2007 a 27/01/2007
  14/01/2007 a 20/01/2007
  07/01/2007 a 13/01/2007
  31/12/2006 a 06/01/2007
  24/12/2006 a 30/12/2006
  10/12/2006 a 16/12/2006
  26/11/2006 a 02/12/2006
  12/11/2006 a 18/11/2006
  29/10/2006 a 04/11/2006
  22/10/2006 a 28/10/2006
  15/10/2006 a 21/10/2006
  30/07/2006 a 05/08/2006
  23/07/2006 a 29/07/2006
  16/07/2006 a 22/07/2006
  09/07/2006 a 15/07/2006
  02/07/2006 a 08/07/2006
  11/09/2005 a 17/09/2005
  28/08/2005 a 03/09/2005
  07/08/2005 a 13/08/2005
  31/07/2005 a 06/08/2005
  24/07/2005 a 30/07/2005
  17/07/2005 a 23/07/2005
  12/06/2005 a 18/06/2005
  05/06/2005 a 11/06/2005
  29/05/2005 a 04/06/2005
  22/05/2005 a 28/05/2005
  15/05/2005 a 21/05/2005
  08/05/2005 a 14/05/2005
  01/05/2005 a 07/05/2005
  24/04/2005 a 30/04/2005
  17/04/2005 a 23/04/2005
  03/04/2005 a 09/04/2005
  27/03/2005 a 02/04/2005
  20/03/2005 a 26/03/2005
  13/03/2005 a 19/03/2005
  06/03/2005 a 12/03/2005
  27/02/2005 a 05/03/2005
  20/02/2005 a 26/02/2005
  13/02/2005 a 19/02/2005
  06/02/2005 a 12/02/2005
  30/01/2005 a 05/02/2005
  23/01/2005 a 29/01/2005
  16/01/2005 a 22/01/2005
  09/01/2005 a 15/01/2005
  02/01/2005 a 08/01/2005
  26/12/2004 a 01/01/2005
  19/12/2004 a 25/12/2004
  12/12/2004 a 18/12/2004
  05/12/2004 a 11/12/2004
  21/11/2004 a 27/11/2004
  14/11/2004 a 20/11/2004
  07/11/2004 a 13/11/2004
  31/10/2004 a 06/11/2004
  24/10/2004 a 30/10/2004
  17/10/2004 a 23/10/2004
  10/10/2004 a 16/10/2004
  03/10/2004 a 09/10/2004
  26/09/2004 a 02/10/2004
  12/09/2004 a 18/09/2004
  05/09/2004 a 11/09/2004
  29/08/2004 a 04/09/2004
  22/08/2004 a 28/08/2004
  15/08/2004 a 21/08/2004
  08/08/2004 a 14/08/2004
  01/08/2004 a 07/08/2004
  18/07/2004 a 24/07/2004
  11/07/2004 a 17/07/2004
  04/07/2004 a 10/07/2004
  27/06/2004 a 03/07/2004
  20/06/2004 a 26/06/2004
  13/06/2004 a 19/06/2004
  06/06/2004 a 12/06/2004
  30/05/2004 a 05/06/2004
  23/05/2004 a 29/05/2004
  09/05/2004 a 15/05/2004


Meus Links
  Clube da des(Conquista)
  Chorumelos (um blog com perspectiva totalmente masculina!)
  Deposito de Neuras
  Mulher o Suficiente
  Anônimo Incógnito - Diálogos Insanos
  Volume I
  P2B
  Um duelo - eu e ela.
  Nana Yazbek
  Leu porque quis
  Tchutchubiruba
  Caraqteres
  Cultura Pop by Lady O.
  Berenice disse